(11) 4023-0085  albergue.itu@ig.com.br (11) 9-4232-0064

demo

Domingo, 11 Novembro 2018 00:37

Moradores de rua recebem atenção em projeto



FONTE: DAM 

O projeto é coordenado por Airton Moreira e a dona de casa Lúcia Lamota, eles contam com a parceria de outros voluntários

O projeto ‘Entrega e Banho Solidário’ formado por profissionais liberais realiza no período da noite, toda quarta-feira, uma ação beneficente para moradores de rua, em Ji-Paraná, distribuindo lanches, refeições e até banho. Em 2015, em média 30 pessoas eram beneficiadas, e três anos depois, esse número mais que dobrou. O projeto é coordenado por Airton Moreira e a dona de casa Lúcia Lamota, eles contam com a parceria de outros voluntários.

De acordo com os coordenadores, o projeto “Entrega e Banho Solidário” foi iniciado, primeiramente, pela comunidade Nossa Senhora de Fátima e, infelizmente, parou. Somente em 2015 dona Lúcia Lamota e mais duas amigas, Andréia Árabe e Bernadete decidiram que o trabalho solidário não poderia terminar, e mesmo sem qualquer estrutura, apenas com a ajuda de colaborações deram continuidade na referida ação. “Não tínhamos carro, fogão, geladeira, absolutamente nada. Começamos apenas com a boa vontade de ajudar o próximo”, declarou Lúcia Lamota.

Airton e Lúcia explicaram que no começo o número de moradores de rua, em Ji-Paraná, chegava à média de 30. Eles recebiam janta (marmitex), feitas em sua residência proveniente de carne, arroz, feijão e verduras. Tudo doado por pessoas que acreditavam no trabalho da equipe. “Gradativamente, mais pessoas foram integrando o grupo e a ação foi se fortalecendo, cada vez mais”, afirmou.

Cerca de 60 pessoas são beneficiadas e assistidas pelo projeto. Sempre nas noites de quartas-feiras, a equipe sai à procura desses moradores, na sua maioria homens, para oportunizar um momento de conforto e solidariedade. “A gente ouve muitas histórias e não duvidamos de nenhuma delas, afinal, somos todos humanos e passivos de situação iguais a estas”, lembrou Airton Moreira.

NÚMEROS

A média de entrega das refeição, atualmente fica entre 60 e 65 pessoas, considerada por ele, bastante alta para um município como Ji-Paraná.

Lúcia Lamota disse que os alimentos começam ser produzidos a partir das 15 horas, com a chegada dos voluntários em sua residência, e distribuída, a partir das 19 horas. A equipe é composta por vários profissionais liberais como psicólogo e cabeleireiros. Antes de receber alimentação, material higiênico, e até roupas, eles tomam banho em um trailer, feito de forma artesanal por um dos voluntários. “Ás vezes ficamos das 19 horas até o começo da madrugada praticando essa solidariedade que é muito gratificante”, disse Airton Moreira.

MATERNIDADE

O projeto “Entrega e Banho Solidário” já se expandiu além das ruas. Logo após o término dessa ação, os voluntários se dirigem ao hospital municipal ‘Claudionor Roriz’, mais precisamente na maternidade onde o alimento também é doado para os acompanhantes das futuras mamães, em decorrência do órgão publico não poder disponibilizar.

O projeto é visto por Lúcia Lamota de forma gratificante. Para ela, essas pessoas não podem ser excluídas da sociedade. “Ao menos duas delas já voltaram para seus lares, uma jovem dependente química e uma grávida que recentemente a encontrei com a filha e o esposo. Esse resultado nos dá força para continuarmos e saber que estamos fazendo o certo”, concluiu.

Últimas notícias



O Albergue Noturno de Itu foi fundado em 01/07/1951, pelos frequentadores do Centro Espírita de Itu

Localização

Rua Maestro José Vitório, nº 70
Centro - Itu - SP
CEP: 13.300-075
 

Fone : (11) 4023-0085

Nosso whats : (11) 9 4232-0064